https://revistas.rcaap.pt/rpe/issue/feed Revista Portuguesa de Educação 2024-01-23T14:01:05+00:00 Íris Susana Pires Pereira rpe@ie.uminho.pt Open Journal Systems <p>A Revista Portuguesa de Educação (RPE) é uma publicação contínua do Centro de Investigação em Educação (<a href="http://www.cied.uminho.pt" target="_blank" rel="noopener">CIEd</a>) da Universidade do Minho (<a href="https://www.uminho.pt" target="_blank" rel="noopener">UMinho</a>).</p> <p>A revista tem como objetivos:</p> <p>a) difundir conhecimento original e atual na área da Educação;</p> <p>b) fomentar e facilitar o desenvolvimento de redes científicas nacionais e internacionais capazes de contribuir para o avanço do conhecimento nessa área.</p> https://revistas.rcaap.pt/rpe/article/view/33031 Supervisão e inovação pedagógica: Um estudo na formação inicial de professores de Francês em Moçambique 2023-10-11T09:45:49+01:00 Ana Maria David anadavid06@yahoo.fr Flávia Vieira flaviav@ie.uminho.pt <p>Partindo do pressuposto de que a supervisão pode favorecer a inovação pedagógica, foi realizado um estudo de caso no contexto do estágio de um curso de formação inicial de professores de Francês em Moçambique, com a finalidade de compreender em que medida a supervisão promove práticas alinhadas com tendências atuais da educação em línguas, no quadro de uma formação reflexiva. Recorreu-se ao inquérito por questionário aos atores do estágio e à análise de dois manuais escolares adotados nas escolas. Os resultados indicam aproximações das atividades didáticas a uma abordagem comunicativa e intercultural, mas também limitações no desenvolvimento da autonomia dos alunos e na promoção de competências profissionais de reflexão, investigação e inovação. Com base nos resultados do estudo, são apontadas implicações para a melhoria da relação entre supervisão e inovação no contexto de estágio.</p> 2024-01-23T00:00:00+00:00 Direitos de Autor (c) 2024 Ana Maria David , Flávia Vieira https://revistas.rcaap.pt/rpe/article/view/31405 Intervenção em estratégias de aprendizagem: Uma proposta de formação de professores em serviço 2023-07-21T14:13:56+01:00 Deivid Alex dos Santos mensagemprodeivid@gmail.com Paula Mariza Zedu Alliprandini paulaalliprandini@uel.br <p>Este estudo teve por objetivo analisar os efeitos de uma intervenção desenvolvida no formato de uma sobreposição curricular relacionada ao ensino de estratégias de aprendizagem aos professores do Ensino Médio de uma escola pública estadual do Paraná/Brasil. Participaram da pesquisa até à conclusão 14 professores. Os professores participaram da intervenção no formato híbrido que durou 5 meses e foi composta por 17 sessões de intervenção, totalizando 50 horas. A pesquisa seguiu um delineamento quase-experimental cumprindo as etapas de pré-teste, intervenção e pós-teste. Na intervenção foram ensinadas aos professores estratégias de aprendizagem cognitivas, metacognitiva, de recursos internos e contextuais. Os resultados apontaram diferenças estatisticamente significantes ao comparar o pré e pós-teste para as subescalas de autorregulação: cognitiva e metacognitiva, de recursos internos e contextuais e autorregulação total da escala. Ressalta-se a necessidade de mais estudos com professores em formação inicial ou continuada, pois eles desempenham um importante papel na formação de seus alunos, bem como com outros participantes, níveis escolares, culturas e contextos.</p> 2024-01-24T00:00:00+00:00 Direitos de Autor (c) 2024 Deivid Alex dos Santos, Paula Mariza Zedu Alliprandini https://revistas.rcaap.pt/rpe/article/view/24883 O apoio da família na adaptação de jovens portugueses ao ensino superior: Uma revisão integrativa da literatura 2022-06-08T15:23:35+01:00 Elisabete Gonçalves etg.goncalves@gmail.com Ana Almeida anatalmeida@gmail.com <p>A entrada no ensino superior coloca aos jovens universitários inúmeros desafios e mudanças que podem ter diferentes implicações no grau de sucesso e satisfação com a vida e com a vida académica, em particular. Num período marcado pela expetativa de dar continuidade às suas escolhas académicas num contexto novo, o estudante do ensino superior vai mobilizar os seus recursos para o processo de adaptação. Neste processo, não obstante ser reconhecida a importância do apoio da família, conhece-se relativamente pouco acerca do papel do apoio familiar e da perceção desse auxílio pelos estudantes. Procurando colmatar esta lacuna, o presente estudo apresenta uma revisão integrativa de artigos publicados nos últimos 30 anos, com o objetivo de descrever as distintas formas de relacionar o apoio familiar ao processo de adaptação ao contexto universitário português, durante o período da ‘adultez’ emergente. Dá-se particular atenção aos resultados da pesquisa, nomeadamente os que apontam para a influência da família e do papel que assume na adaptação. Foram consultadas diferentes bases de dados (SciELO, Google Scholar, Scopus, Dialnet e RCAAP) e foram selecionados 12 artigos. Os estudos selecionados evidenciam o papel da família e o apoio familiar percebido como variáveis preditoras de uma adaptação positiva. Destaca-se a necessidade de realizar mais estudos, em particular com enfoque nas características do apoio familiar durante o período de adaptação ao contexto académico. </p> 2024-01-26T00:00:00+00:00 Direitos de Autor (c) 2024 Elisabete Gonçalves, Ana Tomás Almeida https://revistas.rcaap.pt/rpe/article/view/26531 Manifestações e situações de violência escolar percebida nas comunidades educativas de Cartagena, Colômbia 2023-10-30T12:04:23+00:00 Elsy Domínguez de la Ossa edominguez@utb.edu.co Pedro Vázquez Miraz pvasquez@utb.edu.co <p>A maioria das escolas públicas de Cartagena (Colômbia) está localizada em áreas vulneráveis da cidade e caracterizam-se por uma alta incidência de violência, afetando, seriamente, a qualidade da educação, a convivência e o bem-estar emocional da comunidade educativa. O objetivo deste estudo foi analisar os testemunhos da violência escolar, a partir dos relatos de 50 participantes: alunos, mães e professores de instituições educativas que vivem em zonas vulneráveis de Cartagena das Índias. Desta forma, pretende-se abordar as queixas de violência escolar dos diferentes agentes sociais entrevistados com o objetivo de construir soluções conjuntas a partir da escola e da comunidade. Os resultados indicam que a violência escolar é percebida em termos de uma diversidade de manifestações que ocorrem e se entrelaçam em três cenários principais: escola, família e sócio-comunidade. É vista como um jogo, um produto de tensões entre a família e a escola. Está associada a um défice de competências sociais e mesmo ligada a problemas como a toxicodependência ou a falta de oportunidades de trabalho digno. Estes resultados fornecem às escolas contributos para a conceção e aplicação de programas e estratégias de prevenção da violência escolar.</p> 2024-02-05T00:00:00+00:00 Direitos de Autor (c) 2024 Elsy Domínguez de la Ossa, Pedro Vázquez Miraz https://revistas.rcaap.pt/rpe/article/view/26256 Programa para salas de aula com alunos surdos: Construção por profissionais chilenos e colombianos 2023-12-11T09:24:01+00:00 Karina Muñoz karina.munoz@uach.cl Carmen Sastre Gonzalez carmen.sastre@ibero.edu.co Carlos Enríquez Lozano carlos.enriquez@ibero.edu.co Alejandra Sánchez Bravo alejandra.sanchez@uach.cl <p>A comunicação e a aprendizagem são referências naturais nos processos educativos do ser humano, que incluem programas para alunos surdos. O presente artigo tem como objetivo descrever os componentes necessários <span style="text-decoration: line-through;">a</span> um programa para uma aula com estes alunos. Com abordagem qualitativa e desenho fenomenológico, foram recolhidas informações através de grupos de discussão com a participação e interação de profissionais chilenos e colombianos. Participaram, neste estudo, 44 participantes entre os quais: terapeutas da fala, professores de surdos, co-educadores/modelos linguísticos, intérpretes de língua gestual chilena e colombiana. Com os resultados estabeleceram-se 3 categorias: perfil profissional, estratégias comunicativo-cognitivas e elementos de fortalecimento. As conclusões orientam-se para a importância de se considerar a articulação de elementos, tais como: o trabalho colaborativo e a gestão pedagógica no desenvolvimento do trabalho profissional de um programa educacional na sala de aula com alunos surdos.</p> 2024-02-08T00:00:00+00:00 Direitos de Autor (c) 2024 Karina Muñoz, Carmen Sastre Gonzalez , Carlos Enríquez Lozano, Alejandra Sánchez Bravo