[1]
J. M. Vieira Mendes, «O Teatro Pós‑Dramático vinte anos depois», SdC, n. 5, pp. 341–346, Jun. 2021.