Relações lineares entre caracteres de soja safrinha

  • Diego Nicolau Follmann
  • Alberto Cargnelutti Filho
  • Velci Queiróz de Souza
  • Maicon Nardino
  • Ivan Ricardo Carvalho
  • Gustavo Henrique Demari
  • Mauricio Ferrari
  • Alan Junior de Pelegrin
  • Vinícius Jardel Szareski

Resumo

No Planalto do Rio Grande do Sul, Brasil, local de clima subtropical, o cultivo da segunda safra de verão com a cultura da soja (safrinha), semeada após o cultivo de milho, vem agregando importância econômica, aumentando progressivamente sua área de cultivo e possibilitando maior produção de grãos durante o período de verão. Estudos dos caracteres dos genótipos semeados nessa condição específica, com efeito da redução da luminosidade, podem auxiliar nas futuras seleções em programas de melhoramento vegetal da cultura. O objetivo do trabalho foi avaliar as relações lineares entre caracteres de soja (Glycine max L.) e identificar caracteres para a seleção indireta, em segunda safra de cultivo de verão, em região subtropical. Dezoito cultivares de soja foram avaliadas em três locais do Rio Grande do Sul. As semeaduras foram realizadas em 09/01/2013, 10/01/2013 e 24/01/2013, para os experimentos conduzidos em Barra do Guarita, Vista Gaúcha e Tenente Portela, respectivamente. Foi utilizado o delineamento de bloco ao acaso, com quatro repetições. Foram mensurados os caracteres altura de inserção do primeiro legume, altura de planta, massa de cem grãos e produtividade de grãos. Realizou-se a análise de variância dos caracteres. Foi investigada a relação entre os caracteres por meio de análises de correlação e de trilha. No cultivo de soja em época de safrinha (segunda safra de verão), em clima subtropical, a altura de planta tem relação linear positiva com produtividade de grãos e pode ser usada para seleção indireta de cultivares mais produtivas.

Publicado
2019-01-09
Secção
Geral