Produção de mudas de maracujazeiro amarelo em diferentes composições de substrato e ambiente

  • Francielle Medeiros Costa
  • Gilvanda Leão dos Santos
  • Geise Bruna da Mata Camilo
  • Uasley Caldas de Oliveira
  • Girlene Santos de Souza
  • Anacleto Ranulfo dos Santos

Resumo

O objetivo do presente trabalho foi avaliar a qualidade de mudas de maracujá amarelo em diferentes combinações de substratos e ambientes de luz.  O delineamento experimental foi inteiramente casualizado em esquema fatorial 3x5, disposto em parcelas subdivididas. Foram utilizadas três proporções de substratos (A: 100% solo; B: 75% solo + 25% de esterco bovino e C: 75% solo + 25% substrato comercial Vivatto Slim Plus®) e cinco ambientes de luz: malha preta, malha termorrefletora, malha azul, malha vermelha e a pleno sol. Foi realizado análise de crescimento das mudas aos 50 dias após semeadura. Observou-se interação significativa entre os substratos e ambientes de luz para as variáveis clorofila A, B, total e A/B, comprimento e volume de raiz, área foliar, massa seca total e massa seca da parte aérea, proporcionando incrementos no crescimento da planta. As melhores mudas de maracujazeiro amarelo foram formadas utilizando o substrato C ou A. A malha vermelha proporcionou maiores valores para grande parte das variáveis analisadas. Portanto pode-se concluir que as mudas de maracujazeiro são influenciadas por diferentes ambientes de luz e substratos.

Publicado
2019-01-14
Secção
Geral