Inoculação de fungo micorrízico e utilização de substratos comerciais para produção de plântulas de mamoeiro (Carica papaya L.)

  • João P.N. Almeida
  • Bruno F.T. Lessa
  • Emanoela P. Paiva
  • Ítalo G. Arrais
  • Mauro S. Tosta
  • Vander Mendonça

Resumo

O cultivo do mamoeiro (Carica papaya) está entre as principais atividades do setor frutícola mundial. Métodos de gestão que efetivem o desenvolvimento da cultura são fundamentais. Assim, este trabalho teve por objetivos estudar o crescimento de plântulas de mamoeiro sob diferentes substratos comerciais com inoculação (em semente) de fungo micorrízico arbuscular. As sementes de mamão foram inoculadas com o fungo Glomus fasciculatum, em três dosagens: 0,0 g, 1,0 g e 2,0 g para cada 10,0 g de sementes. De seguida, as sementes foram colocadas em tabuleiros de poliestireno com quatro diferentes substratos comerciais. O estudo foi realizado em esquema fatorial com delineamento inteiramente casualizado com cinco repetições. Trinta dias após a sementeira fizeram-se as análises de crescimento e desenvolvimento das plantas. O substrato comercial que continha na sua composição superfosfato simples, nitrato de potássio, turfa, vermiculita e casca de Pinus proporcionou um maior crescimento das plântulas. A inoculação das sementes com a dose de 2,0 g do fungo micorrízico beneficiou o crescimento das plântulas.

Downloads

Dados de downloads ainda não estão disponíveis.
Publicado
2019-01-20
Secção
Geral