Viabilidade de Sementes de Cacau e Limitações no Armazenamento

  • Bárbara Panicali Auler Salles
  • Andréia Márcia Santos Souza David
  • Josiane Cantuária Figueiredo
  • Victor Martins Maia
  • João Rafael dos Santos Prudêncio
  • Kennia Karoline Gonçalves Pereira

Resumo

O cacaueiro (Theobroma cacao L.) é uma planta arbórea tropical pertencente à família das esterculiáceas, originário de regiões de florestas pluviais da América. Possui grande importância socioeconômica para o Brasil, sendo os estados de Para e Bahia o maiores produtores. As sementes de cacau apresentam várias utilidades, de entre elas como matéria prima para a fabricação de chocolates e para a produção de mudas, mais especificamente de porta-enxertos para a formação de lavouras de alta produtividade e para agro-reflorestamento. São classificadas como sementes recalcitrantes, apresentando, desta forma, maiores dificuldades no armazenamento, quando comparadas com outras semente, isto porque possuem alta suscetibilidade à perda de água, o que faz com que seja necessário o armazenamento com elevado grau de humidade. Esta humidade interna, entretanto favorece o ataque de microrganismos e a germinação durante o armazenamento. A aplicação de baixas temperaturas poderiam inibir estes dois últimos problemas, contudo fica também limitado, pois estas sementes sofrem danos a temperaturas próximas ou abaixo de zero graus. Face a estes constrangimentos, torna-se necessário efetuar estudos com o fim de aumentar a viabilidade destas sementes, uma vez que o êxito na exploração agrícola do cacaueiro está diretamente relacionado com a qualidade da muda utilizada para a formação da lavoura.

Downloads

Dados de downloads ainda não estão disponíveis.
Publicado
2020-01-29
Secção
Geral