Descolamento da retina regmatogéneo: estudo retrospetivo de dois anos

Autores

  • Jorge Moreira
  • Carla Teixeira
  • Rui Carvalho
  • Bruna Vieira
  • Tiago Maio
  • Filipa Sampaio
  • Paula Tenedório

DOI:

https://doi.org/10.48560/rspo.13784

Palavras-chave:

descolamento da retina, regmatogéneo, vitrectomia, cirurgia vitreorretiniana

Resumo

Introdução: Neste trabalho avaliamos as características epidemiológicas e os resultados cirúrgicos dos doentes com descolamento de retina regmatogéneo (DRR).

 

Métodos: Estudo retrospetivo dos doentes submetidos a cirurgia de DRR no Hospital Pedro Hispano, entre Janeiro de 2015 e Dezembro de 2016.

 

Resultados: Analisaram-se 83 olhos de 83 doentes (48 homens e 35 mulheres). A média etária foi de 61,5 ± 13,4 anos e o tempo médio entre o início dos sintomas e a avaliação oftalmológica foi de 20 ± 37 dias. Cerca de 63,9% dos doentes apresentavam mácula off e em 24,7% dos casos, o DRR era total. A média da melhor acuidade visual corrigida (MAVC) pré-operatória foi de 0,2 ± 0,3. A técnica cirúrgica efetuada na maioria dos casos foi a vitrectomia via pars plana (90,3%). A taxa de sucesso anatómico final foi de 96,4% e a média da MAVC final foi de 0,5 ± 0,4, sendo que 54% dos doentes apresentaram acuidade visual final ≥ 0,5. Verificou-se associação entre os resultados funcionais e o estado da mácula, acuidade visual pré-operatória e extensão do DR.

 

Conclusões: O DRR foi mais comum nos homens (1,4:1), com maior incidência entre os 61-70 anos. Um número significativo de doentes (33%) demorou mais de uma semana a recorrer ao hospital após o início dos sintomas. Estes dados contribuem para a identificação das subpopulações de maior risco, e reforçam a necessidade de alertar para os sintomas do DRR, de forma a minimizar o risco de cegueira através de um diagnóstico e tratamento atempados.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2019-04-07

Como Citar

Moreira, J., Teixeira, C., Carvalho, R., Vieira, B., Maio, T., Sampaio, F., & Tenedório, P. (2019). Descolamento da retina regmatogéneo: estudo retrospetivo de dois anos. Revista Sociedade Portuguesa De Oftalmologia, 43(2). https://doi.org/10.48560/rspo.13784

Edição

Secção

Artigos originais