Acesso ou Registar-se para submeter um artigo.

Condições para Submissão

Como parte do processo de submissão, os autores são obrigados a verificar a conformidade da submissão em relação a todos os itens listados a seguir. As submissões que não estiverem de acordo com as normas serão devolvidas aos autores.
  • A contribuição é original e inédita e não se encontra sob revisão ou para publicação por outra revista. Caso contrário, deve-se justificar em "Comentários ao Editor".
  • Os ficheiros para submissão encontram-se em formato Microsoft Word, OpenOffice ou RTF (desde que não ultrapassem 2MB)
  • URLs para as referências foram fornecidas quando disponíveis.
  • O texto está em espaço duplo; usa uma fonte de 12-pontos; emprega itálico em vez de sublinhado (excepto em endereços URL); as figuras e tabelas estão inseridas no texto, não no final do documento na forma de anexos.
  • O texto segue os padrões de estilo e requisitos bibliográficos descritos em Instruções para Autores, na secção Sobre a Revista.
  • Em caso de submissão a uma secção com revisão por pares (ex.: artigos), as instruções disponíveis em Assegurando a Revisão Cega por Pares foram seguidas.

Instruções para Autores

Antes de Começar o Estudo

A ARP recomenda as linhas orientadoras para publicação da EQUATOR network (http://www.equator-network.org), nomeadamente as declarações CONSORT e suas extensões (estudos aleatorizados, http://www.consort-statement.org/), STROBE (estudos observacionais como estudos de coortes, caso-controlo, transversais, http://www.strobe-statement.org/), STARD (estudos de precisão diagnóstica, http://www.stard-statement.org/), PRISMA (revisões sistemáticas e meta-análises, http://www.prisma-statement.org/), SQUIRE (estudos de melhoria de qualidade, http://www.squire-statement.org/) e CARE (casos clínicos, http://www.care-statement.org/).

O relato de aspectos estatísticos dos estudos deve estar de acordo com o Statistical Analyses and Methods in the Published Literature (SAMPL Guidelines, http://www.equator-network.org/2013/02/11/sampl-guidelines-for-statistical-reporting/).

 

Organização do manuscrito

Todos os manuscritos terão que ser organizados da seguinte forma:

Primeira página:

a) Título em português e inglês, conciso e objectivo, preferencialmente com menos de 10 palavras

b) Nome de todos os autores (nome clínico ou profissional), incluindo os títulos académicos e/ou profissionais e respectiva afiliação (departamento, instituição, cidade, país)

c) Fontes de financiamento que contribuíram para a realização do trabalho

d) Morada e correio electrónico do autor responsável pela correspondência relativa ao manuscrito

e) Título breve para cabeçalho

f) Tipo do artigo

 

Segunda página:

a) Resumo em português (máximo de palavras de acordo com a tipologia do artigo). Nos resumos não devem ser utilizadas referências e as abreviaturas devem limitar-se às que forem imprescindíveis.

 

b) Três a seis palavras-chave referentes ao artigo submetido para publicação, destinadas à indexação, segundo as palavras-chave referidas Medical Subject Headings MeSH (a consultar no endereço: http://www.nlm.nih.gov/mesh/.

 

Terceira página: Deverá incluir o conteúdo equivalente ao da segunda página, em inglês.

 

Páginas seguintes: As páginas seguintes deverão incluir o texto do artigo de acordo com as secções específicas de cada tipo de artigo. O texto poderá ser apresentado em português ou inglês. Os agradecimentos e fontes de financiamento, eventuais prémios ou apresentações prévias deverão ser referidos depois do texto e antes das referências bibliográficas. Após a apresentação das referências bibliográficas, as ilustrações deverão ser apresentadas individualmente numa nova página, pela seguinte ordem: quadros/tabelas e figuras.

 

 

Tipologia dos Artigos

Trabalhos que não estejam em conformidade com as normas da revista não podem ser considerados para publicação.

 

Os seguintes tipos de artigos serão considerados para publicação:

Editoriais: Serão apenas submetidos por convite do Conselho Editorial. Serão comentários sobre tópicos actuais. Não devem exceder as 1200 palavras nem conter tabelas/figuras e terão um máximo de 5 referências bibliográficas. Não precisam de resumo.

Revisões: não devem exceder as 4000 palavras. O número de referências não deve exceder as 70 e até 15 figuras são permitidas

Artigos Originais: O manuscrito deve seguir a seguinte ordem: Título, Resumo/Abstract estruturado com um máximo de 250 palavras, Palavras-chave (3 a 6). Introdução, Material e Métodos, Resultados, Discussão, Conclusão e Referências Bibliográficas. O texto não deve exceder as 3500 palavras, 40 referências e 4-6 figuras/tabelas.

Casos Clínicos: São reservados para relatórios experimentais e clínicos de interesse excepcional e aplicação imediata. Título, Resumo/Abstract não estruturado (máximo de 150 palavras).O texto não deve exceder as 1500 palavras, 2-3 figuras/tabelas 15 referências. É aconselhável um número máximo de 6 autores.

Imagens de Interesse: A extensão total do texto não deve ultrapassar as 500 palavras, 3 figuras/tabelas, 3 referências. É aconselhável um número máximo de 6 autores.

Cartas ao Editor: podem ser submetidas sobre tópicos publicadas em números anteriores da revista ou em artigos publicados recentemente. Têm que ser dirigidas ao Editor Chefe e quando for o caso, os autores do artigo original serão convidados a responder. Não devem ter mais de 600 palavras e podem incluir um máximo de 5 referências. É aconselhável um número máximo de 3 autores.

Revisões: Um resumo até 250 palavras. Não devem ter mais de 4000 palavras e podem incluir um máximo de 100 referências e um máximo de 20 figuras/tabelas. É aconselhável um número máximo de 6 autores

Imagens de Interesse: Não devem ter mais de 1500 palavras e podem incluir um máximo de 10 referências e um máximo de 10 figuras/tabelas.

Inovação Técnica: Um resumo até 150 palavras. Não devem ter mais de 1250 palavras e podem incluir um máximo de 10 referências e um máximo de 6 figuras/tabelas. É aconselhável um número máximo de 7 autores

Formação Contínua: Artigos sobre temas de grande interesse científico, radiológico, visando a actualização. O artigo deve conter obrigatoriamente: Resumo/Abstract estruturado até 250 palavras. O texto não deve exceder as 3500 palavras. Deve ter no mínimo 30 referências bibliográficas recentes, sendo permitidas no máximo 10 figuras/tabelas. No final do texto deve ser incluído um teste com questões para avaliação do que aprendeu.

Perspectivas: Um resumo até 150 palavras. Não devem ter mais de 2500 palavras e podem incluir um máximo de 35 referências e um máximo de 5 figuras/tabelas. É aconselhável um número máximo de 4 autores

Guidelines / Normas de orientação: A SPRMN e os colégios das especialidades,as entidades oficiais e / ou grupos de médicos que

desejem publicar na ARP recomendações de prática clínica, deverão contactar previamente o Conselho Editorial e submeter o texto completo e a versão

para ser publicada. O Editor-Chefe poderá colocar como exigência a publicação exclusiva das recomendações na ARP.

 

 

 

Texto

Os manuscritos devem ser submetidos em Word

Usar uma fonte simples como o Times New Roman para o texto.

 

Abreviaturas

Não devem ser utilizados abreviaturas no título ou no resumo e o seu uso no texto deverá ser limitado. As abreviaturas devem ser definidas na primeira menção, por extenso e a abreviatura entre parêntesis e usadas consistentemente depois disso. Nas abreviaturas não devem ser colocados pontos a seguir a cada letra.

 

Estilo Científico

O nome comercial de produtos farmacêuticos deve ser seguido do seu nome químico.

Unidades e medidas deverão ser expressas no Sistema Internacional.

 

Referências Bibliográficas

Os autores devem fornecer referências directas às fontes originais sempre que possível

Os autores são responsáveis pela exactidão e rigor das suas referências e pela sua correcta citação no texto.

Deve ser usado o estilo Vancouver, tal como recomendado pelo Requirements ICMJE. As referências deverão ser mencionadas de acordo com a ordem de referência no texto, com numeração em expoente, numeradas sequencialmente, pela ordem de citação no texto.

Exemplo:

This effect has been widely studied.1-3,7

Caso haja mais de seis autores, serão indicados os primeiros seis seguidos de et al..

Para artigos publicados em Revistas: 1. Apelido dos autores, seguido das iniciais dos nomes próprios; 2. Título completo do artigo; 3. Abreviatura do nome da Revista; 4. Ano de publicação; 5. Volume (em numeração árabe); 6. Número da primeira e última página.

Shetty AS, Grajo JR, Decker S, Heitkamp DE, DeStigter KK, Mezwa DG, et al. ABR core examination preparation: results of a survey of fourth-year radiology residents who took the 2013 examination. Acad Radiol. 2015;22:121-9.

 

Capítulos de Livros: 1. Apelido dos autores, seguido das iniciais dos nomes próprios; 2. Título completo do artigo 3. Apelido e iniciais do nome próprio do Editor; 4. Título completo do livro; 5. Cidade da editora; 6. Ano de publicação; 7. Número da primeira e última página.

Brown B, Aaron M. The politics of nature. In: Smith J, editor. The rise of modern genomics. 3rd ed. New York: Wiley;2001. p 230-57.

 

Livro: 1. Apelido dos autores, seguido das iniciais dos nomes próprios; 2. Título completo; 3. Cidade: Nome da Editora;  4.Ano de publicação.

Sahani DV. Abdominal imaging. Philadelphia:Saunders Elsevier; 2011

 

Homepage/Website: Cancer-Pain.org [homepage na Internet]. New York: Association

of Cancer Online Resources [consultado 2013 9 Jun].Disponível em: http://www.cancer-pain.org/.

Dados não publicados como aqueles que aparecem em trabalhos submetidos mas que ainda não foram aceites para publicação, assim como comunicações pessoais, não devem ser incluídos nas referências. Podem ser citados no texto em parenteses (por ex. Caseiro-Alves F, comunicação pessoal).

 

Tabelas

As tabelas são identificadas com números árabes que coincidem com a sua ordem de aparição no texto.

O título deve ser breve mas suficientemente explicativo e colocado na parte superior.

Os autores devem colocar as notas explicativas no rodapé das tabelas e não em seu título.

Para as notas explicativas nas Tabelas devem ser utilizados os seguintes símbolos e sequência: *, †, ‡, §, ||, ¶, **, ††, ‡‡ .

 

Figuras

As figuras são identificadas com números árabes que coincidem com a sua ordem de aparição no texto.

As figuras, que poderão ser fotografias, desenhos, reproduções de radiografias em formato JPG, JPEG ou TIFF e gráficos em Excel, poderão ser integrados no texto. No entanto deverão enviar sempre em separado os originais.

As partesmais relevantes das figuras devem ser marcadas com sinais visíveis (setas, círculos entre outros).

As fotografias de doentes devem ser apresentadas com os olhos vendados, de modo a não ser possível a sua identificação excepto se forem acompanhadas de carta autorizando a sua publicação.

É essencial a boa qualidade fotográfica, a resolução mínima das figuras deve ser 300 dpi.

Se o Editor considerar que as provas são de baixa qualidade, poderá pedir os originais que serão reproduzidos a expensas do Autor.

Política de Privacidade

Os nomes e endereços fornecidos nesta revista serão usados exclusivamente para os serviços prestados por esta publicação, não sendo disponibilizados para outras finalidades ou a terceiros.