Hematoma Cervical Secundário a Hemorragia Espontânea da Tiróide

Autores

DOI:

https://doi.org/10.25748/arp.25834

Resumo

A hemorragia espontânea da tiróide é rara, mas pode ser uma condição potencialmente fatal nos casos graves, por compromisso agudo da permeabilidade da via aérea superior.

Apresentamos o caso clínico de uma mulher de 75 anos cronicamente anticoagulada, por fibrilhação auricular, que recorre ao Serviço de Urgência por tumefação cervical dolorosa de aparecimento súbito, com disfagia. Ao exame objectivo apresentava uma massa dura e dolorosa na vertente anterior paramediana esquerda do pescoço. A laringoscopia preliminar foi normal. O diagnóstico foi feito por ecografia e posterior caracterização com tomografia computorizada, que revelaram hemorragia de nódulo tiroideu, com disrupção capsular e extensão do hematoma para os espaços cervicais profundos, causando importante desvio traqueal e compressão da hipofaringe. Pelo agravamento clínico com desenvolvimento de dispneia, procedeu-se a hemitiroidectomia urgente.

Este caso destaca a importância de um elevado índice de suspeição clínica e avaliação imagiológica atempada em doentes com apresentações atípicas de massa cervical.

Downloads

Publicado

2022-04-29