IMPACTO ECONÓMICO DA INTERVENÇÃO DO ENFERMEIRO NA PREVENÇÃO DE LESÕES POR PRESSÃO: REVISÃO SISTEMÁTICA DA LITERATURA Economic Impact of Nurse's Intervention in the Prevention of Pressure Injuries: Systematic Review Literature

  • Magdalena Vieira Instituto Politécnico de Santarém
Palavras-chave: Custo, Enfermagem, Lesões por Pressão, Prevenção, Cost, Nursing, Pressure Lesions, Prevention

Resumo

As Lesões por Pressão (LP) são um problema de saúde pública, causa de morbilidade e mortalidade. Afetam a qualidade de vida do utente com custos elevados para este e para o sistema nacional de saúde.

Em Portugal a incidência de LP é de 7,3% e a prevalência de 14,8% em 2015.6

No Reino Unido1 a análise dos custos do tratamento de LP, por utente, por categoria e por complicação, utilizando protocolos definidos pela NPUAP/EPUAP3, destacam a importância da prevenção para a redução dos custos.

Considera-se deste modo prementeconhecer o fenómeno e intervir efetivamente na prevenção para a redução da incidência e custos associados.

Com o objetivo de inventariar a produção científica para responder à questão: “Qual o impacto económico resultante da intervenção do enfermeiro na prevenção das (LP)?” foi realizada uma revisão sistemática da literatura, recorrendo ao protocolo da Joanna Briggs Institute.

Efetuou-se pesquisa de artigos com friso cronológico dos últimos 5 anos, nas bases de dados Ebsco (NHS Economic Evaluation Database, CINAHLComplete; MedLineComplete) e Pubmed. Utilizou-se a expressão de pesquisa nurs*andpressureulcerandprevent* andcost*. As palavras-chave, foram validadas como descritores na plataforma Mesh Browser.Dos 434 artigos encontrados selecionou-se 5 por responderem à questão de partida.

Os artigos sugerem que as intervenções de enfermagem dirigidas para a prevenção de LP através da implementação de diferentes programas de prevenção baseados na evidência científica, assim como nas diretrizes de prevenção da EPUAP/NPUAP, têm impacto significativo na redução da incidência das LP entre os 50% e os 77% e na redução dos custos entre 18% e os 61% comparativamente com os custos do tratamento 1-5.

As evidências mostraram ainda que investimentos preventivos aparentemente mais onerosos foram eficazes na redução dos custos e tempo de enfermagem 2-5.

Neste sentido, a economia nos custos e tempo de enfermagem resultante das medidas preventivas, poderão ser canalizados para a melhoria da qualidade do atendimento global ao utente assim como para a continuidade dos cuidados preventivos com investimentos em recursos materiais e humanos.

De salientar que a Prevenção de LP representa acima de tudo um investimento de valor incalculável na melhoria da qualidade de vida dos utentes, pelo que este deve ser o principal foco na intervenção do enfermeiro.

 

ABSTRACT

The Pressure injuries (LP) are a public health problem, cause of morbidity and mortality. LP injuries influence the quality of life of the user with high costs for him and for the national health system.

In Portugal LP incidence is 7.3% and prevalence 14.8% in 2015.6

In The United Kingdom1 treatment costs analysis of LP, by user, by category and by complications, using NPUAP/EPUAP3protocols, highlight the importance of prevention in order to reduce costs.

In this way, it’s considered urgent to understand the phenomenon and act effectively in prevention to reduce the incidence and associated costs.

 With the goal of identifying the scientific production to answer the question: "Economic impact resultant from nurse intervention in LP prevention?" was performed a literature systematic review, using Joanna’s Briggs Institute Protocol.

It was performed an article research of the last 5 years timeline, on Ebsco databases (NHS Economic Evaluation Database, CINAHL Complete; MEDLINE and Pubmed). Expressions used in search were nurse* and pressure ulcer and prevent* and cost*. The keywords have been validated as descriptors in the Mesh Browser platform. 5 out of 434 items found were selected by answering the question.

The articles suggest that nursing interventions towards the LP prevention through the implementation of a variety of prevention programs based on scientific evidence, as well as in the guidelines prevention of EPUAP /NPUAP, have significant impact on incidence reduction of LP between 50% and 77% and cost reduction between 18% and 61% in comparison with the treatment costs 1-5.

The evidence showed that preventive investments, apparently more expensive, still were effective in cost reduction and time of nursing 2-5

In this sense, the cost savings and nursing time resulting from preventive measures, can be conducted to the improvement of the quality of overall service to the user as well for preventive care continuity with investments in human and material resources.

Above all, LP prevention represents a priceless investment in improving the user’s quality of life, so this should be the main focus in the nurse intervention.

Publicado
2017-09-25