EVASÃO ESCOLAR EM CURSOS TÉCNICOS DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE BRASÍLIA: PERFIL SÓCIOECONÔMICO DE ESTUDANTES DE CURSOS TÉCNICOS SUBSEQUENTES DO CAMPUS BRASILIA

Autores

  • Juana Silva
  • Paulo Coelho Dias
  • Maria Cristina Silva

DOI:

https://doi.org/10.25746/ruiips.v3.i6.14409

Resumo

Este estudo refere-se ao cenário de evasão e eficiência dos cursos técnicos subsequentes em Eventos, Informática e Serviços Públicos do Campus Brasília do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Brasília – IFB, bem como o perfil de seus estudantes.
Metodologicamente, foi realizada uma revisão bibliográfica do tema no contexto da educação profissional; Paralelamente, foi feito um levantamento de dados por meio do Sistema Nacional de Informações da Educação (SISTEC) e por meio do Registro Acadêmico do Campus Brasília; posteriormente, procedemos à tabulação dos mesmos de forma a traçar o panorama dos cursos para posteriormente procedermos à análise de sujeitos mediante dados de perfil socioeconomico atrelados a literatura existente na área.
Constatou-se que a permanência do aluno também depende do seu suporte social, cultural e pedagógico em esferas individuais e institucionais. Percebe-se que é necessária a adoção de uma nova postura de pesquisadores, educadores, gestores e comunidade em geral que considere a sua corresponsabilidade nos resultados escolares, e na adoção de uma postura ativa e humana de enfrentamento do problema de forma global.

Palavras-chave: Evasão escolar; Perfil socioeconômico dos estudantes dos Cursos Técnicos Subsequentes; Educação Profissional.

Downloads

Edição

Secção

Artigos