Resultados de um Inquérito sobre o Manuseio do Bloqueio Neuromuscular em Portugal

  • Simão Esteves Assistente Sénior de Anestesiologia - Serviço de Anestesiologia - Centro Hospitalar do Porto – Porto, Portugal
  • António Roxo Assistente Sénior de Anestesiologia - Serviço de Anestesiologia – Hospital Distrital de Santarém, Santarém, Portugal
  • Hernâni Resendes Assistente Hospitalar de Anestesiologia - Serviço de Anestesiologia - Hospital do Divino Espírito Santo, Ponta Delgada, Portugal
  • Luciane Pereira Assistente Graduado de Anestesiologia - Serviço de Anestesiologia - Centro Hospitalar Universitário de Coimbra, Coimbra, Portugal
  • Nuno Fernandes Assistente Hospitalar de Anestesiologia - Serviço de Anestesiologia - Centro Hospitalar do Baixo Vouga, Aveiro, Portugal
  • Sandra Borges Assistente Graduado de Anestesiologia - Serviço de Anestesiologia - Centro Hospitalar Entre Douro e Vouga, Santa Maria da Feira, Portugal
  • Sandra Pereira Assistente Hospitalar de Anestesiologia - Serviço de Anestesiologia – Centro Hospitalar Tâmega e Sousa, Penafiel, Portugal
  • Susana Albuquerque Assistente Hospitalar de Anestesiologia – Serviço de Anestesiologia – Hospital da Luz, Lisboa, Portugal
  • Susana Caramelo Assistente Hospitalar de Anestesiologia - Serviço de Anestesiologia - Centro Hospitalar de Trás os Montes e Alto Douro, Vila Real, Portugal
  • Susana Vargas Assistente Graduado de Anestesiologia - Serviço de Anestesiologia - Centro Hospitalar de S. João, Porto, Portugal
  • Telma Carlos Assistente Hospitalar de Anestesiologia - Serviço de Anestesiologia – Centro Hospitalar de Leiria, Leiria, Portugal
Palavras-chave: Avaliação sobre Serviços de Saúde Bloqueadores Neuromusculares, Bloqueio Neuromuscular, Conhecimentos, Atitudes e Prática em Saúde, Monitorização Fisiológica, Portugal

Resumo

São apresentados os resultados de um inquérito sobre o manuseio do bloqueio neuromuscular abrangendo as vertentes da utilização de bloqueadores neuromusculares, da monitorização dos seus efeitos e da sua reversão. Este inquérito foi dirigido aos Anestesiologistas (Especialistas e Internos em Formação Especifica) e foi disponibilizado numa plataforma informática (Google Drive). Foram recolhidas e validadas 465 respostas que representarão cerca de 30% dos Anestesiologistas a exercer em Portugal.

A participação neste inquérito faz-nos estar convictos da importância desta questão do manuseio intraoperatório do bloqueio neuromuscular. A constatação de contradições em algumas respostas, leva-nos a concluir que mais informação e formação nesta área será certamente necessária. Recomendações criadas no seio das sociedades científicas, nomeadamente da Sociedade Portuguesa de Anestesiologia (SPA), poderão constituir uma ferramenta essencial para fomentar uma prática mais segura para os nossos doentes.

Downloads

Dados de Download não estão ainda disponíveis.
Publicado
2018-03-30
Como Citar
Esteves, S., Roxo, A., Resendes, H., Pereira, L., Fernandes, N., Borges, S., Pereira, S., Albuquerque, S., Caramelo, S., Vargas, S., & Carlos, T. (2018). Resultados de um Inquérito sobre o Manuseio do Bloqueio Neuromuscular em Portugal. Revista Da Sociedade Portuguesa De Anestesiologia, 27(1), 45-50. https://doi.org/10.25751/rspa.10302
Secção
Artigo Original

Trabalhos mais lidos do(s) mesmo(s) autor(es)