A APRENDIZAGEM COOPERATIVA COMO ESTRATÉGIA NA EDUCAÇÃO PRÉ-ESCOLAR

  • Mónica Pedreira Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Santarém
  • Isabel Piscalho Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Santarém
Palavras-chave: Aprendizagem cooperativa; Educação pré-escolar; Grupos cooperativos; Investigação-ação.

Resumo

O presente artigo dá a conhecer um exercício investigativo realizado no âmbito do mestrado que habilita para a docência em educação pré-escolar, no ano letivo de 2016/2017. O estudo que se apresenta utilizou a metodologia com características de investigação-ação e teve como objetivos: conhecer o conceito de aprendizagem cooperativa na educação pré-escolar; compreender de que forma se utiliza a aprendizagem cooperativa como estratégia na educação pré-escolar; conhecer o papel do/a educador/a a partir da utilização da aprendizagem cooperativa; descrever as interações que as crianças estabelecem entre si e com o/a educador/a de infância durante o momento de aprendizagem cooperativa. Para tal, foram realizadas 8 atividades cooperativas com as crianças e utilizados vários instrumentos de recolha de dados (registos videográficos, diários de bordo e grelhas de competências sociais). Os resultados enfatizam que as crianças nesta faixa etária têm mais facilidade em distribuir tarefas quando estão apenas em grupos de dois elementos. No que respeita à avaliação feedback foi possível observar que com estas estratégias as crianças aprenderam a refletir sobre a sua participação e desempenho nas atividades, conseguindo pensar sobre o que tinha corrido bem e o que precisava ser melhorado.

Publicado
2018-12-21