Chamada de Artigos Volume 16 N.º 54 2020

2020-06-01

Temática: Educação Online em tempos de pandemia - desafios e oportunidades

A educação online, incluindo ensino e aprendizagem online, tem vindo a ser estudada há décadas. Muitos estudos de investigação, teorias, modelos, padrões e critérios de avaliação estão centrados na aprendizagem online de qualidade, no ensino online e no design do curso online. O que sabemos é que uma aprendizagem online eficaz resulta de um design e planeamento instrucionais cuidadosos, usando um modelo sistemático de design e desenvolvimento. O processo de design e a consideração cuidadosa de diferentes critérios têm impacto na qualidade da instrução. E é, em muitas situações, esse processo de design cuidadoso que está ausente aquando da mudança para um ensino remoto de emergência. 

Em contraste com as experiências planeadas desde o início e projetadas para serem online, o ensino remoto de emergência é uma mudança temporária para um formato de ensino alternativo devido a circunstâncias de crise. Envolve o uso de soluções de ensino totalmente remotas que, de outra forma, seriam lecionadas presencialmente e que voltarão a esse formato assim que a crise ou emergência passar. 

De acordo com Means, Bakia e Murphy (2014), o ensino online tem nove dimensões a que é necessário atender: modalidade, ritmo, proporção aluno-professor, pedagogia, papel do professor online, papel do aluno online, sincronia da comunicação online, papel das avaliações online e fonte de feedback. Até que ponto uma passagem repentina para uma educação online, como a que vivemos, devido à pandemia COVID-19, terá tido em conta as diferentes dimensões? Que estratégias e metodologias foram adotadas na passagem da sala de aula presencial para a sala de aula online? Que desafios e que oportunidades professores e alunos tiveram que enfrentar? Podemos falar em uma verdadeira Educação Online ou apenas em ensino remoto de emergência? 

Os editores convidados do Volume 16 N.º 54 da revista Interacções aguardam, com elevada expetativa, a submissão de artigos que abordem a temática da Educação Online em tempos de pandemia. 

 

Datas Relevantes 

Prazo para submissão de artigos: 30 de setembro de 2020 

Previsão para publicação do volume: 30 de novembro 2020 

 

Editores Convidados do Volume 

Ana Loureiro, Instituto Politécnico de Santarém / LE@D – Laboratório de Educação a Distância e eLearning [ana.loureiro@ese.ipsantarem.pt

ORCID iD 0000-0003-1322-3070 | Ciência ID 9E13-E4A0-3ABE 

Elsa da Piedade Rodrigues, Instituto Politécnico de Beja, Coordenadora do Gabinete de EaD [elsa.rodrigues@ipbeja.pt

ORCID iD 0000-0001-8445-6651 

João Mattar, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo / ABED – Associação Brasileira de Educação a Distância [jmattar@pucsp.br

ORCID iD  0000-0001-6265-6150 | ID Lattes: 9511610526352732 

 

Means,B.; Bakia, M. e Murphy, R. (2014). Learning Online -  What Research Tells Us About WhetherWhen and How. Routledge. ISBN 9780415630290. 

 

Apenas se aceitam para avaliação artigos que se insiram no número temático anunciado. 

Todas as propostas de publicação devem ser originais, não sendo permitida a sua apresentação simultânea em outras revistas nacionais ou estrangeiras. Os textos podem ser apresentados em português (de Portugal ou do Brasil), espanhol, inglês ou francês. Todos os originais são submetidos à apreciação da Direção da revista e encaminhados a um mínimo de dois membros do Conselho Editorial (especialistas de diferentes nacionalidades de reconhecido mérito) que decidem sobre a conveniência da sua aceitação, podendo sugerir alterações ao seu conteúdo e formato que serão enviadas ao(s) autor(es). Em todo este processo, é mantido o anonimato tanto dos autores como dos avaliadores dos artigos (revisão cega por pares). A Direção reserva-se o direito de recusar artigos que não atendam às modificações sugeridas pelo Conselho Editorial. 

Todos os textos publicados serão da responsabilidade dos seus autores e devem ser enviados (obrigatoriamente) em versão eletrónica (ficheiro Word) através da plataforma da revista [https://revistas.rcaap.pt/interaccoes/about/submissions]. 

Os originais devem ter um máximo de 25 páginas A4 (incluindo sumário, tabelas/figuras, bibliografia e anexos) e ser redigidos em processador de texto (Microsoft Word, ou equivalente), em fonte Arial 11, espaçamento de 1,5 linhas, com margens laterais, superior e inferior de 3,0 centímetros. Todas as páginas do manuscrito devem ser numeradas. A template base pode ser encontrada no seguinte URL: https://revistas.rcaap.pt/public/journals/8/Texto_base_artigo.doc