ESTUDANTES DO ENSINO SUPERIOR IGUALDADES VERSUS DIFERENÇAS

Autores

  • Elsa Rodrigues Instituto Politécnico de Beja

DOI:

https://doi.org/10.25755/int.18835

Resumo

Ao olhar para os atuais estudantes do Ensino Superior Politécnico, verificamos que, independentemente das origens socias e étnicas, os seus comportamentos em determinados momentos se intersectam nas idades, no saber estar, nas escolhas, na motivação, na infoexclusão, entre outras.  As Instituições de Ensino Superior Politécnico, oferecem vários cursos de diferentes áreas em diferentes ciclos de estudo, tais como os Cursos Técnico Superior Profissional (CTeSP) (2 anos curriculares), Licenciaturas (3 anos curriculares) e Mestrados (2 anos curriculares). Este estudo abarca somente os alunos da Escola Superior de Tecnologias e Gestão (ESTIG), de alguns cursos, a saber: Tecnologias Web e Dispositivos Móveis (TWDM), Redes e Sistemas Informáticos (RSI), Engenharia Informática, Solicitadoria(P), Solicitadoria (EaD), Mestrado em segurança e Higiene do Trabalho, Mestrado Segurança Informática. A escolha dos cursos de CTeSP e da licenciatura em Engenharia Informática baseou-se nas competências digitais; no caso de Solicitadoria (P e EaD) na diferença na metodologia de ensino; no que concerne aos Mestrados, no tempo de funcionamento dos mesmos. Iremos perceber as escolhas destes alunos face aos 3 ciclos de estudo, as licenciaturas e os CTeSP. Nos 3 ciclos de estudo, analisaremos características, como: idade, formação anterior, motivação, desmotivação e métodos de trabalho. Todas estas variáveis são preponderantes para o sucesso destes estudantes, ou seja, para que alcancem o fim do ciclo de estudos.

Downloads

Publicado

2019-12-30

Como Citar

Rodrigues, E. (2019). ESTUDANTES DO ENSINO SUPERIOR IGUALDADES VERSUS DIFERENÇAS. Interacções, 15(52), 39–51. https://doi.org/10.25755/int.18835