O discurso da educação ambiental em artefatos culturais da atualidade

  • Paula Corrêa Henning Universidade Federal do Rio Grande - FURG http://orcid.org/0000-0003-3697-9030
  • Bárbara Hees Garré Instituto Federal Sul Riograndense – IFSUL. Brasil
  • Virginia Tavares Vieira Universidade Federal de Pelotas – UFPel. Brasi
Palavras-chave: Educação Ambiental, Antropocentrismo, Terror e Medo.

Resumo

O artigo pretende discutir sobre uma pesquisa em andamento que traz como objetivo investigar o discurso de Educação Ambiental em artefatos culturais da atualidade. Foram materiais recortados dos últimos quinze anos que circulam nas escolas e na sociedade de uma forma geral. Parte-se do entendimento que esses artefatos auxiliam na fabricação de um discurso que ensina os modos de ser, olhar e se comportar no ambiente em que vivemos. Para isso, após o escrutínio dos dados coletados e a partir de ferramentas da análise do discurso em Michel Foucault, “criamos” dois enunciados que dão a ver o discurso de Educação Ambiental nos artefatos culturais sob investigação, quais sejam: Terror e Medo pela perda do Planeta e Antropocentrismo. Com enunciações potentes, foi possível problematizar enunciados que sustentam e apoiam essa formação discursiva, ensinando modos corretos de ser sujeitos no mundo contemporâneo.

Biografias do Autor

Paula Corrêa Henning, Universidade Federal do Rio Grande - FURG

Graduada em pedagogia pela Universidade Católica de Pelotas, Mestre em Educação pela Universidade Federal de Pelotas e Doutora em Educação pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos. Professora Adjunta do Instituto de Educação, do Programa de Pós-graduação em Educação em Ciências e do Programa de Pós-graduação em Educação Ambientalda (PPGEA) Universidade Federal do Rio Grande – FURG. Coordenadora adjunta do PPGEA e Líder do Grupo de Pesquisa Educação, Cultura, Ambiente e Filosofia (GEECAF)

Bárbara Hees Garré, Instituto Federal Sul Riograndense – IFSUL. Brasil
Instituto Federal Sul Riograndense – IFSUL. Brasil
Virginia Tavares Vieira, Universidade Federal de Pelotas – UFPel. Brasi
Universidade Federal de Pelotas – UFPel. Brasil
Publicado
2017-06-24