Chamada de artigos

2021-11-29

Vivemos numa sociedade cada vez mais exigente, seja pelas atuais circunstâncias globais, seja pelos desafios profissionais que enfrentamos no dia a dia. Para atender às exigências de uma sociedade em constante transformação e adaptação, é necessário que os currículos valorizem aprendizagens ao nível da criatividade, pensamento crítico e, cada vez mais, pensamento computacional. Hoje, a programação é considerada uma nova literacia, essencial para participar ativamente numa sociedade cada vez mais digital. Aprender a programar envolve competências transversais, com o interesse de formar cidadãos ativos, com espírito crítico, criativo e com autonomia.

Compreendendo a programação como literacia e entendendo que a base para o seu pleno desenvolvimento está nos primeiros anos, pretendemos, com esta edição, conhecer pesquisas realizadas em todo o mundo e que nos permitam vislumbrar um futuro mais comprometido com a mudança. Esta publicação será uma mais-valia para diferentes áreas de investigação e prática, tendo em conta que competências relacionadas com o pensamento crítico, a criatividade, o pensamento computacional e as tecnologias serão, no quadro de uma sociedade digitalizada, cada vez mais fundamentais.

Pretende-se com esta edição contribuir para a reflexão e o desenvolvimento do conhecimento, em particular, mas não exclusivamente, sobre os seguintes temas:

  • Programação como nova literacia.
  • Pensamento crítico, criatividade e pensamento computacional como competências fundamentais no presente.
  • Aprendizagem da programação desde a educação de infância.
  • A programação e a robótica como intervenção nas necessidades educativas.
  • Integração do pensamento computacional na educação básica.
  • Aprendizagem da programação e da robótica em contextos formais e informais.
  • Aprendizagem da programação e da robótica em cenários de aprendizagem à distância.
  • Avaliação do desenvolvimento do pensamento computacional e da aprendizagem da programação e da robótica.
  • Integração curricular transversal do pensamento computacional, programação e robótica.

Este número está associado à “I Conferência Internacional Tecnologias e Aprendizagem de Programação e Robótica na Educação Básica", a realizar nos dias 18 e 19 de fevereiro de 2022. Este evento é organizado no âmbito do projeto "KML II - Laboratório de Tecnologias e Aprendizagem de Programação para o Pré-Escolar e 1.º Ciclo de Ensino Básico" (https://www.nonio.uminho.pt/kml2).

Editores temáticos: Maribel Santos Miranda Pinto, Ana Francisca Monteiro e António José Meneses Osório

Submissão até 31 de janeiro 2022