Promoção da Saúde de Grávidas Adolescentes: Estudo prévio de identificação de necessidades

Authors

  • C. Brás
  • A. Pereira,

Abstract

A gravidez na adolescência é vivida de distintas formas, dependendo da complexidade dos contextos familiares, sociais e culturais em que cada uma das grávidas se insere.
O presente estudo tem como objectivos: identificar as necessidades das grávidas adolescentes e sensibilizá-las para tomarem consciência dos seus problemas e recursos disponíveis. Para a recolha de dados, utilizámos como instrumento de avaliação o questionário.
Os participantes do estudo foram grávidas adolescentes, que fizeram vigilância pré-natal na Unidade de Intervenção Precoce da Maternidade Bissaya Barreto em Coimbra, com idades compreendidas entre os 15 e os 18 anos.
Este estudo permitiu a identificação dos medos, dificuldades, necessidades e desejos das grávidas adolescentes. O contexto familiar, social e cultural onde se inserem as grávidas adolescentes do nosso estudo influencia directamente as experiências relatadas. Os cuidados dos profissionais de saúde devem ser adequados ás necessidades, expectativas e crenças de cada grávida adolescente.

References

• ABREU, M.S.N. (2005). Identidade das grávidas adolescentes: integração do sistema familiar e das perspectivas individuais de desenvolvimento. Dissertação de Candidatura ao grau de Doutor em Ciências de Enfermagem, Instituto de Ciências Biomédicas de Abel Salazar, Porto.

• ALARCÃO, M. (1998). Família e redes sociais: malha a malha se tece a teia. Intersecções (7), 93-102.

• ALMEIDA, J.M.R. (2007). Adolescência e maternidade. (3a ed.). Lisboa: Fundação Calouste Gulbenkian

• BERGER, K.S. (2001). O desenvolvimento da pessoa da infância à terceira idade (5a ed.). New York: LTC Editora.

• CANAVARRO, M.C. & PEREIRA, A.I. (2006). Gravidez e maternidade na adolescência: perspectivas teóricas. In Canavarro et al. (Coord.), Psicologia da gravidez e da maternidade (2a ed.). Coimbra: Quarteto, Pp. 323-357.

• CARVALHO, A.A.S. & CARVALHO, G.S. (2006). Educação para a saúde: conceitos, práticas e necessidades de formação. Loures: Lusodidacta.

• CORDEIRO, J.D. (1988). Os adolescentes por dentro. Lisboa: Edições Salamandra.

• CORREIA, M.J. (2005). Gravidez e maternidade em grupos de risco. In I. Leal, Psicologia da gravidez e parentalidade. Lisboa: Fim de Século. Pp. 49-60.

• DAVIDSON, N.W. & FELICE, M.E. (1992). Adolescent pregnancy. In S.B. Friedman, M. Fisher & S.K. Schonberg. Comprehensive adolescent health care. St Louis, Missouri: Quality Medical Publishin

• FABIÃO, J. (2001). Adolescentes grávidas: vidas em desenvolvimento. Dissertação de Mestrado em Ciências de Enfermagem, Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar, Porto.

• GONÇALO, M.I. (2002). A mãe-menina. Nursing, vol. 14, N.º 172.

• KRIPPENDORFF, K. (1980). Content Analysis: An Introduction to Its Methodology. Newbury Park, CA: Sage.

• LOURENÇO, M.M.C. (1998). Textos e contextos da gravidez na adolescência: a adolescente, a família e a escola. Lisboa: Fim de Século.

• MENDES, I.M. (2002). Ligação Materno-Fetal: contributo para o estudo de factores associados ao seu desenvolvimento. Coimbra: Quarteto.

• NASCIMENTO, M.J. (2003). Preparar o nascimento. Análise Psicológica, 1, XXI, 47-51.

• SILVA, M.O. (1992). Gravidez na Adolescência: relevância clínica da intervenção pré-natal. Tese de Doutoramento, Faculdade de Medicina de Lisboa, Lisboa.

• SMITH, N.C. (2006). Compreender a gravidez. Porto: Porto Editora

• TAVARES, J.; PEREIRA, A.M.S; GOMES, A.A.; MONTEIRO, S. & GOMES, A. (2007). Manual de Psicologia do Desenvolvimento e Aprendizagem. Porto: Porto Editora.

Published

2016-02-03

How to Cite

Brás, C., & Pereira, A. (2016). Promoção da Saúde de Grávidas Adolescentes: Estudo prévio de identificação de necessidades. Millenium - Journal of Education, Technologies, and Health, (40), 69‐81. Retrieved from https://revistas.rcaap.pt/millenium/article/view/8220

Issue

Section

Articles