Estudo comparativo de diferentes grupos de variedades de macieiras

  • Nuno Lemos
  • Francisco Fernandes
  • Daniela Teixeira Costa
  • Helena Esteves Correia

Abstract

A macieira cultiva-se no nosso território desde tempos remotos. A sua expansão
ter-se-á devido, em grande parte, ás ordens religiosas que, devido aos seus núcleos
conventuais, permitiram a difusão das mais diversas variedades.
O presente trabalho tem por base a instalação de um pomar de “novas
variedades”, com cinco Grupos de variedades: Gala (Brookfield, Galaxy Evolution,
Anaglo e Buckeye); Red Delicious (Itred e Jeromine); Golden Delicious (Reinders e
Clone B); Fuji (Toshiro, Spike Spur, Kiku 8 e Raku Raku) e Rubens, tendo como
objectivo o estudo do comportamento destas na região da Beira Alta. O campo de ensaio
das “novas variedades” está situado na folha 3 Sul da Estação Agrária de Viseu, ocupando
2800 m2 do total da parcela. A plantação do pomar realizou-se entre os dias 13 e 15 de
Março de 2006, com plantas de um ano de viveiro, provenientes de Itália. As observações
e recolha de dados efectuaram-se durante o ano 2007. A colheita das maçãs teve início a
14 de Agosto e terminou a 10 de Outubro, sendo recolhidos dados para avaliação
quantitativa e qualitativa da produção.
Para a avaliação qualitativa da produção, realizaram-se medições de calibres,
determinação de Dureza e Grau Brix, em todos os frutos colhidos.
Podemos dizer que todas as variedades se adaptaram ao local onde foram
instaladas, verificando-se, contudo que, para alguns dos parâmetros avaliados nas
diferentes variedades, obtivemos diferenças significativas, enquanto que, noutros, essas
diferenças foram menos relevantes.
As variedades que obtiveram melhores resultados foram a Brookfield e a
Anaglo, do Grupo Gala; a Itred, do Grupo Red Delicious; a Reinders, do Grupo Golden, e
a Toshiro, do Grupo Fuji. A Rubens, que é uma maçã proveniente do cruzamento de Gala
x Elstar, revelou-se como a variedade menos interessante.
O Grupo Golden Delicious foi aquele que teve, relativamente aos parâmetros
avaliados, um melhor comportamento, quando comparado com os restantes Grupos.

References

• APIDÃO – Associação de Produção Integrada do Dão (2000). Programa de Protecção Integrada em Macieiras.Viseu: 1-9; 35-45.

• ASSUNÇÃO, A.; Crespi, A.; Lopes, A.; Neves, N.; Ponteira, D.; Santos, A. (2000). Preservação de variedades regionais de pomóideas na

região Centro-Norte. Projecto PAMAF 6114.

• BOUTHERIN, D.; Bron, G. (2000). Multiplicação de Plantas. Colecção Euroagro nº 52, Publicações Europa-América. Mem Martins,

Portugal. 243 pp.

• BRETOUDEAU, J.; Fauré, Y. (1991). Cultura de Árvores de Fruto Macieiras e Pereiras. Volume II. Colecção EuroAgro nº 45,

Publicações Europa – América. Mem Martins, Portugal. 224 pp.

• CARVALHÃO, F. (2005). A Macieira – Sistemas de Condução e Poda. Cooperativa Agrícola de Mangualde, CRL. 160 pp.

• CASTELLARNAU, I. I.; Pericay, J. C.; Rocas, J. B.; Barbaroja, R. D.; Feixas, G. G.; Sangrá, R. M.; Torres, A. M.; Grau, J. M. P. (2000).

Manzano – Las variedades de más interés. IRTA- Institut de Recerca i Tecnologia Agroalimentáries. Barcelona. 240 pp.

• CUISANSE, P. (1988). La Multiplicacion de las Plantas Y el Vivero. Ediciónes Mundi- Prensa, Madrid, 164 pp.

• EPAGRI (2002). A Cultura da Macieira. Florianópolis: Epagri. 743 pp.

• FELBA (s/d). Promoção das frutas e legumes da Beira Alta, ACE. Folheto informativo, Viseu.

• FERREIRA, J. T. (1994). Variedades de macieira. Instituto Nacional de Investigação Agrária. Alcobaça. 115 pp.

• GOUTIER, J. (1994). A Maçã – Variedade, Cultura, Produção. Biblioteca do Agricultor nº 9, Publicações Europa – América. Mem

Martins, Portugal. 89 pp.

• INE (2008). Estatísticas Agrícolas 2008. Instituto Nacional de estatística. ISBN 978-989-25-0014-0. 113 pp.

• NEVES, N.; Lopes, A. (2000). Projecto PAMAF 6114 – Preservação de variedades regionais de pomóideas na região Centro-Norte.

PAMAF.

• SOUSA, R. M. (2004). Poda – O equilibrio vegetação/frutificação em pomóideas (Macieira e Pereira). (1ª Edição). Cadernos Rurais.

Associação para a Valorização Agrícola em Produção Integrada – AVAPI. Alcobaça. 29 pp.

• TRILLOT, M.; Masseron, A.; Tronel, C. (1993). Pomme – les variétés. Les editions du Centre technique interprofessionnel des fruits et

legumes – Ctifl. France. 203 pp.

Published
2016-02-04
Section
Articles