Cuidar em parceria: subsídio para a vinculação pais/bebé pré-termo

  • Manuela Maria da Conceição Ferreira
  • Maria da Graça Ferreira Aparício da Costa

Abstract

Casey em 1988 criou o seu modelo de parceria nos cuidados, para utilização no âmbito da prestação de cuidados pediátricos. 

Defende que "para preservar o crescimento e desenvolvimento da criança, os cuidados a esta devem ser em forma de protecção, estímulo e amor" assim sendo ninguém melhor que os pais para os prestar. 

Na presença de um bebé pré-termo, torna-se obrigatório permitir que se desenvolvam mecanismos capazes de estabelecerem a interacção mãe/filho precocemente, dado o risco que as situações de crise habitualmente acarretam. 

A análise do modelo de Casey leva-nos a acreditar que, ao ser aplicado numa unidade de cuidados neonatais, ele irá dar o seu contributo para que a vinculação mãe/filho seja estabelecida e/ou mantida, permitindo de forma flexível, manter ou desenvolver a força dos papéis e laços familiares, promovendo a normalidade da sua unidade.

Este modelo permite um crescimento físico, emocional e social da família. Nele os pais não são visitantes nem técnicos, são parceiros no cuidar. 

References

BRAZELTON, T. Berry – O Grande Livro da Criança. Lisboa : Editorial Presença, 1995

CASEY, Anne – Development and Use of Partnership Model of Nursing Care. In: GLASPER, E. A.; TUCHER, A. – Advances in Child Health Nursing, London, Scutari, 1993:193

CASEY, Anne; MOBBS, Sara – Partnership in practice. In: Nursing Times. November, 2. Vol. 84. Nº 44, 1988.

KLAUS, M. H.; KENNELL, J. – Assistência aos Pais. In: KLAUS, M.;

FANAROFF, F. – Alto Risco em Neonatologia. Rio de Janeiro, Editora Guanabara, S.A., 1989

OLDS, S. B. Et al – Enfermaria Materno Infantil: Un Concepto Integral Familiar. México, 2ª ediçãoi, Interamericana, 1987

FARRELL, Michael – Sócios nos cuidados: um modelo de enfermagem pediátrica. In: Nursing, Março 1994:27-28

PEDRO, J. Gomes – Viver numa Unidade Especiais para Recém-Nascido – Um Risco, Uma Oportunidade. In: I Seminário de Neonatologia Porto. Laboratórios Bial, Departamento de Pediatria e Medicina – Hospitais de S. João, 1997: 67-73

PINTO; Cândida; FIGUEIREDO, Mª do Céu – Cuidar da Criança Doente. In: Nursing, Dezembro (Ano 8) 1995: 15-16.

SÁ, Eduardo – O dedo de ET. In: Pais. Lisboa, Junho de 1992:42-45

Published
2016-02-15
Section
Articles