GÉNERO E INNOVACIÓN EN LOS NUEVOS PROCESOS DE RE-RURALIZACIÓN EN ESPAÑA

  • Mireia Baylina Departamento de Geografía, Facultad de Filosofía y Letras, Universitat Autònoma de Barcelona
  • Montserrat Villarino Departamento de Geografía, Facultad de Geografía e Historia, Universidad de Santiago de Compostela, Santiago de Compostela
  • Maria Dolors Garcia Ramon Departamento de Geografía, Facultad de Filosofía y Letras, Universitat Autònoma de Barcelonav
  • Maria Josefa Mosteiro Departamento de Métodos de Investigación y Diagnóstico en Educación, Facultad de Ciencias de la Educación, Universidad de Santiago de Compostela
  • Ana Maria Porto Departamento de Métodos de Investigación y Diagnóstico en Educación, Facultad de Ciencias de la Educación, Universidad de Santiago de Compostela
  • Isabel Salamaña Departamento de Geografía, Facultad de Filosofía y Letras, Universitat de Girona

Resumo

Na última década têm-se observado em algumas áreas rurais bem ligadas da Espanha um retorno de homens adultos jovens e mulheres que se estabelecem neste espaço para desenvolver projetos profissionais próprios. Este processo de mudança nas comunidades rurais não é exclusivo da  Espanha, mas também é observado na Europa. Este artigo olha o que está trás dos novos processos de re-ruralizaçom em Espanha a partir da análise de projetos profissionais realizados por homens adultos jovens e mulheres, estudados e com experiência urbana. Esses agentes não são neutras em termos de gênero, esta categoria analítica é levada para examinar as relações de poder subjacentes a estes processos atendo-se às metas, oportunidades e dificuldades encontradas uns e outras e a fonte de seus projetos. A pesquisa foi realizada através de entrevistas muito fundas para aprender como as pessoas dão sentido às suas próprias experiências. Os resultados confirmam a existência de processos de re-ruralizaçom marcadas por iniciativas inovadoras e altamente profissionalizadas desenvolvidas por mulheres e homens cujos discursos revelam novas formas de desigualdade e diferentes mecanismos de poder.

Publicado
2019-05-10
Secção
Artigos