TRAYECTORIA Y OBRA DE MARIA DOLORS GARCIA-RAMON: LA CONSTRUCCIÓN DE UNA PERSPECTIVA GEOGRÁFICA FEMINISTA

  • Catalina Giraldo Instituto de Geografia e Ordenamento do Território, Universidade de Lisboa

Resumo

PERCURSO E OBRA DE MARIA DOLORS GARCIA-RAMON: A CONSTRUÇÃO DE UMA PERSPECTIVA GEOGRÁFICA FEMINISTA

Maria Dolors Garcia-Ramon é uma geógrafa espanhola de origem catalã conhecida por ser uma referência para a geografia feminista espanhola e internacional. Ao revisar sua carreira acadêmica e sua história de vida é interessante ver como os "óculos do género" chegam numa fase tardia da sua formação, questionando e complexando suas reflexões e abordagens metodológicas. No texto a seguir se apresenta, num primeiro momento, um breve percurso de sua formação acadêmica destacando suas principais conquistas e reconhecimentos. Num segundo momento, se sinalam alguns dos aportes da Garcia-Ramon em suas três grandes áreas de especialização: geografia feminista, geografia rural e história do pensamento geográfico e estudos pós-coloniais. Se conta a forma como começa a tecer suas reflexões geográficas com um enfoque de gênero, como se complementam e complexam metodologicamente seus estudos rurais, e as críticas que desenvolve contra a hegemonia acadêmica anglo-saxão. Ao longo deste artigo serão mencionados alguns dos livros, capítulos e artigos mais influentes ao longo de sua carreira, ao tempo que se reflete sobre a importância de seu legado para a geografia espanhola, a geografia catalã e geografia critica feminista

Publicado
2019-08-30
Secção
Comentário de Autor