Espacialização da Covid-19 no Sul do Brasil:

a interiorização da doença e o caso da Mesorregião Grande Fronteira do MERCOSUL

Autores

DOI:

https://doi.org/10.18055/Finis20367

Resumo

O presente ensaio apresenta um mapeamento da distribuição espaço-temporal dos casos de Covid-19 nos municípios da região Sul do Brasil, e aborda as condicionantes de difusão da doença em um recorte territorial do interior dessa região, a chamada Mesorregião Grande Fronteira do Mercosul (MGFM). Observa-se um processo de interiorização da transmissão viral, que na MGFM teve forte correlação com o trabalho em agroindústrias de carne. A disseminação e avanço da Covid-19 na região, atingindo municípios de menor porte, são motivos de preocupação, uma vez que podem comprometer a já frágil estrutura do setor da saúde e agravar as consequências da pandemia local.

Biografias Autor

Larissa Hermes Thomas Tombini, Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS)

Enfermeira, doutoranda em Saúde Coletiva, Professora Assistente Mestre do curso de graduação em Enfermagem, na Universidade Federal da Fronteira Sul.

Fabiane Ripplinger, Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS)

Licenciada em Geografia, Mestranda em Geografia na Universidade Federal da Fronteira Sul

Downloads

Publicado

2020-11-11