Ser aluno: porque e para que se aprende?

Authors

  • Carlos Manuel de Sousa Albuquerque
  • José António Pereira da Costa
  • Vera Lúcia Fernandes Almeida

Abstract

Numerosos são os estudos, desenvolvidos especificamente no âmbito da educação, que tentam demonstrar os diferentes aspectos implicados na aquisição de saberes; acção essa a que se dá o nome de aprendizagem.
O acto de aprender deve ser entendido como uma acção dinâmica. Quando um sujeito aprende, adquire e produz conhecimento mais ou menos inovador.

Se partimos do sentido etimológico, a palavra educativo significa “conduzir a partir de”(Atwater & Riley (1993:662); verificamos assim a interacção com o contexto do meio envolvente.

Aprender é uma construção que envolve toda a actividade do ser humano: biológica, psicológica, social e cultural, nos seus múltiplos aspectos.

References

ATLAN, H. - O princípio de ordem a partir do ruído, aprendizado não dirigido e o sonho. In E. Morin [et al.] - A unidade do Homem, invariantes biológicas e universais culturais (Trad.). São Paulo : Cultrix, 1978.

ATWATER, M.M. ; RILEY, J.P. - Multicultural science education : Perspectives, definitions and research agenda. Science Education. Vol. 77 (1993), p. 661-668.

CARDOSO, A. - Como e porquê se aprende. Dirigir. Lisboa : Adelino Palma. ISSN 0871-7354. Nº 69 (Set./Out. 2000), p. 48-53.

ESTRELA, M. T. - A relação pedagógica, disciplina e indisciplina na aula. Porto : Porto Editora, 1992.

LEMOS, M.A. - A motivação em sala de aula : objectivos dos alunos e dos Professores. Évora : Universidade de Évora, Departamento de Pedagogia e Educação, 1997.

LEONTJEV , A.N. - The problem of Activity in psychology. In J.V. Wersch (Ed.) - The concept of activity in Soviet Psychology. New York : M.E. Sharpe, 1981.

MOLLO, S. - A escola na sociedade. Lisboa : Edições 70, 1979.

PATRÍCIO, M.F. - A edificação da pessoa do aluno. Évora : Universidade de Évora, Departamento de Pedagogia e Educação, 1997.

POSTIC, M. - A relação pedagógica. Coimbra : Coimbra Editora, 1984.

SANTOS, E.J.R. - Porque se aprende? Évora : Universidade de Évora, Departamento de Pedagogia e Educação, 1997.

TAVARES, J. ; ALARCÃO, I. - Psicologia do desenvolvimento e da aprendizagem. Coimbra : Almedina, 1985.

Published

2016-02-15

Issue

Section

Articles